terça-feira, 31 de maio de 2011

Vem, que o meu barco te espera

Vem, que o tempo é urgente
E oferece pra gente
Um sabor de alegria.
Que a palavra escrita
Tantas vezes mal dita
Transformou-se em poesia.

Vem que o meu barco te espera
Que será primavera
Em meus braços você.
Que tornei-me cativo
Que não há mais motivo
Disso tudo não ser.

Vem, que já está consumado
Que estou destinado
A estancar minha dor.
Vem que tornei-me um cego
E em tuas mãos eu entrego
O meu Amor.

22 comentários:

  1. Ola querido Alcides!

    Um convite poeticamente inevitavel e lindo!
    E o tempo:Ah!Como este é urgente!

    PS:Passei correndo como o tempo,de novo!É que ouço gritos!Entendeu???rs

    Beijos,meu amigo!
    Até!

    ResponderExcluir
  2. oi Alcides,

    que linda maneira de entregar o amor,
    envolvente e suave...
    adorei é mesmo irresistível...

    beijinhos

    ResponderExcluir
  3. Olá Alcides!
    Boa Noite!
    Linda sua canção.
    Aline.

    ResponderExcluir
  4. Este post já é bem melhor de ler que o anterior.
    Ao menos não me deixou com tanta saudade...
    Comparo ter lido juntos os dois ao dia de ontem, que amanheceu nublado e frio, para depois um entardecer com sol e um pouco mais de calor.
    Fico feliz que o poeta troque o frio pela urgência do amor.
    Abraços!

    ResponderExcluir
  5. Meu querido, Alcides,(poeta)

    Cheguei, neste desejado momento
    Trazendo meu corpo quente, como chama que ateia fogo
    Nem venho vestida, nem nua
    Trago meu incoerente corpo, coberto pelos fios do luar
    Na boca o desejo de beijos ensolarados
    Que o trago por demais ardente,
    De tão distante para em tua boca os deitar
    Venho nua do meu corpo
    Pra nesta noite de primavera de chuva
    Me vestir com as tuas vestes
    De poesia que me cobrem corpo e alma
    E me tira do frio
    Venho me enroscar em teus quentes braços de poeta menino
    Me abrindo as entranhas das mais sentidas letras
    Me entregando entre a maldita palavra
    E a tulipa negra da noite
    Em que adormeço na mais profunda magia
    Neste singelo desvendar
    Quando me deito na cama da tua poesia
    E meu sangue de mulher fica a pulsar
    Juntos no silêncio do universo
    Somos a origem de tantas poéticas palavras
    Que fazem dois corações juntos sonhar.

    Quantas saudades,da tua poesia.
    Meu amigo,mesmo ausente,te trago constantemente em meu coração.
    Mil beijos
    Rachel

    ResponderExcluir
  6. Meu amigo Alcides
    Dono de uma Palavra Mágica,

    È sempre um emcantamento lêr as tuas palavras poeticas de um lindo e total amor.
    A entrega de um coração a outro é sempre muito belo.
    A musica que escolhes-te é linda!
    Que esse amor perdure por toda a eternidade.

    Bjinho cheio de luar

    ResponderExcluir
  7. Um convite irrecusável... doida a dama que não o aceitar.

    Beijo

    ResponderExcluir
  8. Entendi, Lu Maravilha! rs


    Vai, que o tempo é urgente. A gente se vê depois.

    Um beijo!
    Alcides

    ResponderExcluir
  9. Rô,

    Obrigado pelas suas palavras.

    Um beijo!
    Alcides

    ResponderExcluir
  10. Aline,

    São canções que me vêm no vento.

    Beijos!
    Alcides

    ResponderExcluir
  11. Pois é amigo Pensador. Tudo urge com o tempo.

    Um abraço!
    Alcides

    ResponderExcluir
  12. Rachel, minha amiga!

    A emoção de de ter de volta é tamanha que nem sei o que dizer. Então complete com o seu pensamento as minhas exclamações.

    ! ! ! ! ! ! ! ! ! ! ! ! !!!!!!!!!!!!

    Um beijo minha linda!

    PS. O vampiro está feliz!

    ResponderExcluir
  13. Amiga Moonlight,

    Um amor assim vai longe... e volta de mãos dadas.

    Um beijo!
    Alcides

    ResponderExcluir
  14. Sus,

    É um convite cheio de responsabilidades. Lembras da frase do Pequeno Príncipe?

    Um beijo!
    Alcides

    ResponderExcluir
  15. O Amor cega-nos...
    ás vezes, é uma cegueira boa! Outras vezes...nem tanto :(
    Beijito.

    ResponderExcluir
  16. Vem, que navegar é preciso...

    Que beleza de poema, amigo!Amei!

    Abraço!!!

    ResponderExcluir
  17. Querido Alcides!

    Hoje estou passando especialmente para trazer o meu carinho e lhe deixar um presente para esse espaço poético nota mil.

    Muito Obrigada por dedicar um pedacinho do seu tempo urgente para estar comigo em nosso cantinho e por vc ser esse amigo tao especial!Um amigo nota mil!

    Um grande beijo da amiga mais maluquinha!

    Jesus te ama e eu tambem!

    Lu


    http://selosdoblogdalu.blogspot.com/2011/06/mais-um-lindo-presente.html

    ResponderExcluir
  18. Amei teu blog vim te visita gostei tanto que acabei ficando.....
    Já estou te seguindo e obrigado por me seguir...Bjus

    Meu link

    http://wwwdeiablog.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  19. Concordo com você Secreta!

    Um beijo!
    Alcides

    ResponderExcluir
  20. Nel,

    "Navegar é preciso!"

    "We are sailing home again"

    Beijos!
    Alcides

    ResponderExcluir
  21. Lu Maravilha!

    Adorei o Selo, em breve estará aqui.

    Obrigado pelo carinho!

    Um beijo!
    Alcides

    ResponderExcluir
  22. Déia,

    Obrigado pela visita! Eu também gostei do que vi lá. Volte sempre que desejar!

    Um beijo!
    Alcides

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...